03/05/2017

Parabéns ao muito boa praça Paulão Neves Filho, que trocou de idade esta semana, aqui, com sua amada Clarice e amiga Marília em tarde de Galinhada do Rick 2016, que aliás, já confirmaram presença na festa deste ano (Melius)

No coliseu, Roma, Raissa Helena Simões Campos e Thalles Ribeiro Cremasco se casam dia 20 próximo, em Vila Velha (ES)

O jornalista Aldeci Xavier super feliz com a formatura do seu filho Rafael Xavier, o novo policial militar da família, aqui com seu irmão Thiago. Parabéns!

Ela é mesmo top, feliz e artística, a coreografa Eliana Delphino, a aniversariante de terça

 

Ágatha agora é policial

Amo quando minha sobrinha primogênita me chama de titio. Lembro-me perfeitamente quando ela nasceu na Santa Casa de Montes Claros. Nos últimos dias, nossa família estava em festa, afinal, ele agora é policial militar. Não foi nada fácil entrar nesta carreira, cada vez mais exigente e concorrida, principalmente em Minas Gerais, considerado o estado mais rígido e bem organizado da união. Ágatha, que é psicóloga, contou com um professor especial para obter êxito, o esposo Marcus Vinícius, que é Policial Militar. Depois de quase um ano de determinação, na última semana vimos o resultado.

Na progressista e bela cidade de Pouso Alegre, no Sul de Minas, aconteceu a solenidade de posse dos novos praças, na última sexta. No mesmo momento, acontecia a solenidade em todos os batalhões de Minas. O que posso dizer é que foi uma noite inesquecível, com cerca de 3 mil pessoas. Ágatha inicia este início de carreira militar na cidade turística de Santa Rita do Sapucaí.

Neste ano, o staff de Polícia Militar organizou um formato todo especial para os novos policiais (1.800), com 10% do efetivo feminino. O baile de gala, para cerca de 2.000 pessoas aconteceu no alto da serra de Pouso Alegre. Acho que nunca vi um salão tão grande. A noite estava fria o que facilitou as produções dos novos militares, todos com trajes de gala. Claro que as mulheres prefeririam um belo vestido longo. Mais estava tudo muito chique e elegante, assim mesmo.

Fala se esta policial não é linda!

Durante a missa na Catedral Imaculado Coração de Maria: Ágatha com as colegas Glaucia Lopes, Drika Miranda e Caroline Zandonadi

No condomínio onde residem, saindo para a grande noite: com Ágatha, Vinícius e Carlos

Ordenação da nova autoridade militar com os orgulhosos pais Carlos Antônio Batista e Luci Jane Bento Batista

Ágatha festejando com o maridão Marcus Vinícus e sua família

 Na chegada do baile: Ágatha, Vinícius, Carlos e Jane

Brindando com os colegas durante o baile

 

Além de Ágatha, havia mais um montesclarense no grupo do batalhão, Donilton Pinheiro Santos, com os seus pais, Madalena Pinheiro e Donizete Pinheiro e os irmãos Denilson, Janaina e Mary Helen

 

No Instagram, a montesclarense Camilla Ribeiro, criou o @vestidoca, um “case” de sucesso avassalador, que tem hoje mais 1 milhão de seguidores. Sucesso estrondoso que levou a montes-clarense estar entre as divas da moda de todo Brasil. Ela já tem, inclusive, um batom com seu nome: o Camilla Ribeiro – Batom Liquido Matte Super Makeup. O Vestidoca tem seguidores em diversas partes do País, com muita influência nos grandes centros, como São Paulo, Rio de Janeiro, Goiânia, BH e Fortaleza. A conta @vestidoca, da relações públicas, Camilla Ribeiro, tem hoje 1,2 milhão seguidores. E tem novidade na área…. Há poucos dias Camilla criou o @Closetvestidoca.

 

Academia Montesclarense de letras recebe homenagem

No dia 26, a Câmara de Vereadores, através de iniciativa do Parlamentar Marcos Nem (PSD), entregou a Placa Alferes José Lopes de Carvalho à Academia Montesclarense de Letras em comemoração aos 50 anos de sua fundação.

A Academia Montesclarense de Letras comemora em 2017, nada menos que meio século – a instituição foi criada por Alfredo Marques Vianna de Goes, em 1966, com objetivo principal de criar e difundir as artes em todas as suas modalidades, produzindo trabalhos de mérito nas áreas artísticas de literatura, música, canto, pintura, desenho, fotografia, arquitetura, escultura, teatro.

A Placa Alferes José Lopes de Carvalho é a segunda maior comenda da Casa Legislativa, entregue para pessoas ou instituições que prestam relevantes trabalhos para Montes Claros. “Temos que reconhecer o trabalho que o órgão fez e faz para nossa cultura, além de valorizar nossos escritores, possibilita a continuação de toda uma geração”, ressaltou Marcos Nem.

Durante o cinquentenário são vários os registros voltados para a valorização da cultura e dos escritores. A instituição trabalha para congregar os intelectuais que se dedicam às letras e difundir a literatura. “Acredito que, além da enorme produção de livros, temos levado o nome de Montes Claros aos mais longínquos rincões do país e do planeta.

Os livros dos escritores da Academia têm contribuído para escrever a história de nossa amada cidade, além de levar beleza, conhecimento e entretenimento aos seus leitores”, pontua a presidente da Academia Montesclarense de Letras, Maria Luiza Silveira.

Durante a entrega da placa à presidente da academia, Maria Luiza Silveira, com Wanderlino Arruda e Itamaury Telles (Christine Antonini)

Os imortais (Christine Antonini)

ACI reúne empresárias e gestoras para um Café com Elas

No próximo dia 17 de maio, a Associação Comercial Industrial e de Serviços de Montes Claros – ACI vai reunir mulheres empreendedoras no projeto Café com Elas. O evento é uma das primeiras ações da gestão do presidente da entidade, Dr. Newton Figueiredo, e visa mobilizar a mulher empreendedora junto a ACI, com palestras e projetos específicos para elas. Após o breakfast, a máster-coaching Vanessa Narciso abordará o tema “A Síndrome da Supermulher”.

Para Dr. Newton, “esse será um momento precioso para troca de ideias sobre o poder feminino na economia, sua determinação e força empreendedora focada nos resultados. Porém, esse trabalho precisa de outros propósitos também, entre eles a qualidade de vida”.

Vanessa Narciso destaca que “diante dos diversos papéis que a mulher desempenha, conciliar a vida pessoal, profissional, e familiar é um enorme desafio. A forma como gerenciamos o nosso tempo, as nossas relações e as nossas emoções definem exatamente os resultados que teremos em cada uma das áreas”.

É muito comum no universo feminino, o desenvolvimento da Síndrome da Supermulher. Essa expressão deu nome ao livro The Superwoman Syndrome, da psicóloga e coach Marjorie Hansen Shaevitiz. As mulheres que sofrem dessa síndrome apresentam as seguintes características:

  • Acreditam que é responsabilidade sua que todos se sintam felizes e satisfeitos;
  • Tem muita dificuldade em dizer “não” e acabam assumindo mais responsabilidades e compromissos do que realmente dariam conta;
  • Não têm tempo para cuidar de si e perdem suas aspirações;
  • Embora sejam competentes, não possuem autoconfiança;
  • Tentam resolver os problemas dos outros, em vez de deixar que as pessoas se desenvolvam;
  • Geralmente encontram-se em níveis altíssimos de estresse, desenvolvem ansiedade e outros problemas psicológicos até mais graves.

Neste encontro, as participantes devem gerar reflexões importantes sobre a produtividade para as mulheres, trazendo ferramentas estratégicas, que incorporadas aos nossos comportamentos otimizam tempo e organizam a vida para uma rotina altamente produtiva.

“Nosso objetivo é que ao final desse encontro,  as participantes tenham total clareza do potencial que existe dentro delas, e aprendam a utilizar essa ferramenta para ativar esse potencial,  e obter máxima realização em todos os seus papéis”.

O Café com Elas será das 8h às 10h, no salão do Automóvel Clube, com networking e troca de idéias com outras mulheres empreendedoras. Mais informações pelo telefone: 38 – 2101 3310.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Post Navigation