31/03/2017

Quem se ama de verdade evita pensar ou vivenciar coisas tristes e, quando se lembra, mentaliza apenas como experiência para sua evolução, vê de forma natural tudo o que aconteceu no passado, procura tirar proveito dos acontecimentos.

Quem se ama de verdade, mantêm o controle emocional para não deixar as calúnias, palavras ofensivas e desarmonias caírem sobre a sua Aura.

Quem se ama de verdade não espera ser compreendido, prefere compreender as pessoas de um modo geral, mantêm-se de bem com a vida e não se preocupa com a opinião alheia.

Não dá ouvidos às críticas, para que elas não evoluam.

Quem se ama de verdade não guarda raiva, rancor ou ressentimento, vê tudo a sua volta como se fosse um processo de auto-conhecimento, está sempre disposto a perdoar e compreender em qualquer situação.

Quem se ama de verdade não aceita sugestões negativas, policia seus pensamentos e procura analisar cada um.

Quem se ama de verdade não se magoa, não fica chorando quando é magoada. não se entristece por qualquer razão, não perde o controle em qualquer situação e não se deixa levar por qualquer situação negativa.
Quem se ama de verdade não tem medo da morte, das doenças, da pobreza ou falta de dinheiro, não sente medo, não se apega a nada.

Quem se ama sente coragem e segurança de sempre recomeçar, se for necessário, sem medo do desconhecido.

Este é um programa que todos precisam conhecer: Ouro Preto, uma das mais belas cidades históricas do Brasil. Nágila Almeida esteve por lá e amou o passeio

O conhecido agitador cultural e vereador em Francisco Sá, Oldack Júnior, esteve conhecendo Portugal. Na foto em frente a um mosteiro medieval na cidade de Batalha

ACI já tem nova diretoria

A Associação Comercial Industrial e de Serviços de Montes Claros – ACI – escreveu mais uma página em sua história na noite do dia 13 de março. Associados, lideranças e sociedade participaram da solenidade de posse da diretoria executiva e do conselho diretor, profissionais de diversas áreas que emprestam seu trabalho em prol da instituição e por consequência, a toda classe empresarial.

A ACI é conhecida por potencializar projetos e sugerir novas ideias para Montes Claros, além de realizar a Fenics. Os dirigentes vão atuar na gestão 2017/2020, sucedendo ao empresário Edilson Torquato. O ex-presidente destacou que nos últimos quatro anos, cada diretor teve um papel importante e deu força na missão de presidir a entidade. “Tive a sorte de fazer parte da ACI, pois renasci a partir do momento que me dediquei ao associativismo. Que todos continuem a prestigiar e valorizar as ações desta entidade, afinal quase 70 anos de história não são por acaso”.

Legado

Ao fazer um balanço sobre sua gestão,  Torquato destacou o apoio da imprensa, que sempre divulga as atividades e dá credibilidade ao trabalho da diretoria. “De todas as iniciativas que defendi como presidente, tenho orgulho de ter deixado um legado para Montes Claros. O Codemc – Conselho de Desenvolvimento Sustentável de Montes Claros já é realidade e está mostrando sua competência. Tenho plena consciência da responsabilidade agora como Secretário Municipal de Desenvolvimento Econômico, cujo cargo é graças ao trabalho realizado na ACI. Dessa forma, posso continuar contribuindo com a cidade e a região. Acredito que o outro legado seja a continuidade dessa gestão com Dr. Newton Figueiredo. Sua capilaridade e experiência abrilhantará ainda mais a história da ACI”.

Geraldo Drumond, representando o Conselho Superior, composto por ex-presidentes, pontuou que a noite serviu para exaltar todos que contribuem para a grandeza da ACI. “Edilson Torquato, com seu desprendimento contribuiu muito para a entidade. A realização da Fenics, que mesmo sob uma condição adversa, cumpriu a tarefa de fomentar negócios e driblar a crise. Em outra esfera, a instituição reafirma sua estratégia de sempre se envolver com questões de maior relevância, defendendo o empresariado na busca de soluções para os seus negócios. Newton Figueiredo, por sua vez, um empresário moderno, dinâmico e visionário, certamente bem representará a classe dos empresários. O Conselho aposta todas as fichas no sucesso de sua gestão, sempre bem disposto a contribuir para seus projetos e ideias”.

Associativismo

O novo presidente da ACI, Newton Figueiredo, em sua fala, lembrou sobre a importância de todas as entidades parceiras, lideranças e bancos de fomento estarem unidos pelo desenvolvimento, na busca de recursos para Montes Claros. “Vale a pena trabalhar em prol dessa instituição, diretores de associações e clubes de serviço prestam trabalho voluntário e responsável, com o objetivo de dar segurança a nossas empresas e proteção a sociedade. O associado tem o direito de receber nosso apoio e para isso acontecer é preciso que estejamos cada vez mais próximos, que conheçam os diversos benefícios que a ACI oferece, desde plano de saúde a cursos e palestras. A instituição só muda de direção e pessoas, mas a linha de trabalho nesses cerca de 70 anos é a mesma, o dever de servir aos associados”.

Figueiredo pontuou quatro forças determinantes para conseguir vencer o desafio de presidir a ACI. “A força divina, que permitiu este momento; a força familiar, que deverá compreender e contribuir para seus atos; a força societária no Laboratório Santa Clara, que me apoiou nesta missão; e por fim, a força da aceitação desta diretoria que também é conduzida à responsabilidade de contribuir para a ACI”.

A força representativa da entidade para conduzir lideranças, buscar recursos, gerar emprego e renda a Montes Claros e região foi pontuada como diferencial num cenário que sinaliza recessão econômica. “Precisamos ter discernimento e agregar soluções para todos. O quadro de associados é de aproximadamente 1500 membros, porém, queremos ampliar muito mais. Para isso, vamos ter metas e planejamento para representar com dignidade o desenvolvimento socioeconômico”, frisou. A realização da 22ª FENICS também foi citada,  cujos estandes estão sendo comercializados desde novembro de 2016 para facilitar a participação de todas as empresas.

Parcerias

Emílio Parolini, presidente da Federaminas, disse que “quando olhamos para o sucesso e o idealismo desta entidade destacamos que cada um desses empossados coloca um tijolo, ao longo dos anos. A ACI é referência em todo o Estado graças a gestores como Edilson Torquato e agora Newton Figueiredo. A parceria com a Federaminas deve se estreitar ainda mais com serviços e projetos, como a Campanha de Natal, mobilizando centenas de associados mineiros.

Adauto Marques, presidente da Fiemg Regional Norte e vice-prefeito de Montes Claros, foi categórico ao dizer que “agora é a hora de trabalhar, unir todas as lideranças e dar um passo à frente para mudar Montes Claros. Sozinhos não conseguiremos a chegar a lugar nenhum, mas juntos podemos muito mais.”

Dr. Newton Figueiredo é graduado em Farmácia Bioquímica e é um dos sócios-fundadores da rede de Laboratórios Santa Clara. Seu vice é o empresário Leonardo Vasconcelos.  A chapa única foi eleita em Assembleia Geral Ordinária, no dia 23 de fevereiro. Confira todos os membros empossados no site www.acimoc.com.br.

As fotos são de Solon Queiroz.

A nova diretoria da ACI em foto para a prosperidade!

Angela Veloso, Cláudio Oliveira, Paulo César Santiago e Denisson Rocha

Cleia Paulino, Jacyara Ferreira, Mércia Lucas, Mônica Torquato, Virgínia Maia, Newton, Kelington Mota, Nágila Almeida e Landa Nogueira

Kelington Mota, Ernandes Ferreira, Fernando Deusdará e Emílio Palotini

Newton Figueiredo com Caico Siufi e Selma Dias

Maurício Sérgio, Amália e Geraldo Drumond e Sérgio Luiz

As primeiras dama da ACI, Mônica Torquato e Elizena Figueiredo

Edilson Torquato, David Guimarães, João dos Reis Canela e Fernando Deusdará

Sala Vip

*Estou recebendo o belo convite da conhecida Vera Nice dos Santos, vulgo Brexó, formanda em Gestão Pública. Na bela mensagem do seu convite: Agradecer e admitir que houve um momento em que se precisou de alguém. É reconhecer que o homem jamais poderá lograr para si o dom de ser auto-suficiente, ninguém cresce sozinho, sempre é preciso um olhar de apoio, uma palava de incentivo, um gesto de compreensão, uma Atitude de amor. O Culto Ecumênico acontece no dia 20 de Abril no Museu Regional  do Norte de Minas e colocação de grau no dia 24, No Parque de Exposições João Alencar Athayde.

*Outro importante convite que acabo de receber é a entrega do título de cidadão benemérito de Montes Claros ao historiador Dário Teixeira Cotrim, nesta sexta, na Câmara Municipal de Montes Claros. E no dia 26 de abril, a entrega da placa Alferes José Lopes de Carvalho para a Academia Montesclarense de Letras, que comemora 50 anos de fundação.

*Neste domingo, 02 de abril, a partir do meio-dia, a Inter TV Grande Minas realiza, em parceria com o Montes Claros Shopping, a transmissão ao vivo da final do programa The Voice Kids. O evento acontece na Praça de Alimentação e terá ainda apresentação da ex-participante montes-clarense Hadassa Priscila.

*Imperdível. Este não irei perder. Dia 9 de abril acontece a programação Janelas da Matriz, no Corredor Cultural. Me parece ser este o mais importante evento cultural nesta administração de Humberto Souto. Shows de Simone Santana com Carmerindo Miranda, Orquestra Sinfônica de Montes Claros e Ballet de Jaqueline Pereira, entre outros.

*Preocupante o grande número de importantes bancos que fecharam agências no Brasil nos últimos meses. O Banco do Nordeste, onde tenho conta a mais de dez anos foi um dos bancos que fechou, na Praça da Santa Casa.

*Aliás, não menos ruim o fechamento de Agências de Correios no país. Onde iremos parar nosso Brasil?

*Parabéns ao Grupo Rima Industrial com destaque para a Unidade de Bocaiuva. Como se não bastasse a instalação da única produtora de ligas de magnésio da América Latina na modesta e pacata Terra do Senhor do Bom Fim, o Grupo apostou em Bocaiuva para montar também o Galpão da Fundição Sob Pressão (FSP) que produz carcaças de peças automotivas para as maiores montadoras de automóveis do país e com exportação para montadoras de outros países como Argentina e Estados Unidos. Por essas e por outras, muitos dizem que Bocaiuva, no quesito econômico e empresarial, pode ser considerada também a Terra do Magnésio em alusão a matéria prima do metal produzido, comercializado e utilizado pela empresa. Mas quando todos achavam que o Grupo Rima já havia atingido o limite de sua ousadia, eis que a empresa decide ousar ainda mais e novamente a Unidade de Bocaiuva foi a escolhida para desenvolver o arrojado projeto “Motorav”. A ideia séria desenvolver um motor de Avião de pequeno porte com tecnologia e produção 100% Rima. O projeto envolveu diversos profissionais de diversas áreas e passo a passo o que era apenas um desenho ganhou corpo. Na última semana o Grupo Rima fez a apresentação do Motorav desenvolvido e produzido na Unidade de Bocaiuva. O feito coloca a empresa na condição, não somente de fabricante de peças automotivas, como também de peças aeronáuticas e Bocaiuva entra para o seleto grupo de cidades brasileiras com atuação no seguimento de aviação. O motor de Avião produzido pela Rima recebeu o nome de MOTORAV em uma referência e homenagem ao Presidente do Grupo Rima (As três últimas letras do motoRAV São às iniciais do Presidente da empresa Ricardo Antônio Vicintin).

Nice Veloso Prates foi conhecer Istambul e Capadócia na Turquia. Chegou deslumbrada com a cultura e história do velho mundo. Aproveitou para curtir o magnífico passeio de balões (foto).

A querida e conhecida dentista Christina Mameluque Lucio durante seu aniversário com todo o seu clã de luluzinhas, inclusive sua admirável mãe, Glorinha Mameluque

Montes Claros recebe o curso Rede de Atendimento ao AVC no próximo sábado

Será realizado, no próximo sábado (25), o curso Implantação da Rede de Atendimento ao AVC no Norte de Minas – Abordagem e Condutas no AVC, em Montes Claros. A ação se dá graças a uma pareceria entre o SAMU Macro Norte, Rotary International e Santa Casa de Montes Claros, dentro do projeto “Madre Teresa de Calcutá”, e é voltado para todos os profissionais e estudantes da área da saúde.

O coordenador do Núcleo de Educação Permanente (NEP) do SAMU, Ubiratam Lopes Correia explica que durante a capacitação será abordado a fisiopatologia do Acidente Vascular Cerebral (AVC), ou seja, como ele surge e o que pode causar; como distinguir o AVC isquêmico e hemorrágico, pois cada um tem um tratamento diferente; e como identificar de forma rápida. “Mostraremos como reconhecer através da Escala de Cincinnati, pois o tempo é decisivo para a recuperação da vítima. Em até 4h30 é empregado tipos de terapias que diminuem, ou até mesmo anulam, as sequelas”, frisou.

Em apenas dois meses de treinamentos, que vêm sendo realizados no Norte de Minas, o SAMU já capacitou aproximadamente 2.500 pessoas, sendo que a meta é alcançar quatro mil profissionais da Rede Hospitalar e da Rede de Urgência e Atenção Primária na região. “É importante todos participarem dessa mobilização, pois é um treinamento completo para a abordagem do AVC. Lá vamos ter um neurocirurgião que vai ajudar as pessoas identificarem uma parada cardiorrespiratória e respiratória, e também como intervir a tempo nessas complicações”, finalizou Ubiratam.

O curso é gratuito e será realizado, a partir das 8 horas, no auditório da AMAMS, que está localizado na avenida Major Alexandre Rodrigues, nº 416, no bairro Ibituruna. Os interessados em participar do curso podem se inscrever através do site www.cisrun.saude.mg.gov.br/ead.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Post Navigation